Arquivo da categoria: Desintoxicação

importância da desintoxicação na prevenção e tratamento de doenças

Por: Dr. Juliano Pimentel

Desintoxicação

A desintoxicação visa ajudar o corpo a se livrar de toxinas. Claro, o corpo humano possui muitas vias naturais de desintoxicação através do fígado, urina, suor e fezes.

Embora seja um processo complexo, o fígado neutraliza substâncias tóxicas e depois as libera do corpo.

Isso ajuda na recuperação e manutenção dos órgãos do corpo, apoia a função do fígado, e proporciona um “impulso” de micronutrientes importantes.

As dietas de desintoxicação vêm em muitas formas, embora a maioria envolva algum tipo de jejum e são seguidas por um período de reeducação alimentar.

Alguns incluem smoothies, suplementos, ervas, sucos e chás.

Ela ajuda você a cortar alimentos processados ​​e inflamatórios, açúcar refinado, álcool e alguns outros alimentos e bebidas que fazem parte da dieta padrão, isso é incrivelmente eficaz para a desintoxicação.

Os médicos Naturopathic (NDs) nos Estados Unidos, usam regularmente dietas à base de alimentos e dietas de desintoxicação para tratar e apoiar uma variedade de condições médicas. (3)

A desintoxicação pode reverter os sintomas de determinadas doenças e a transformar a sua vida.

O fígado, intestino delgado, rins e cólon são os principais órgãos envolvidos no sistema de desintoxicação do corpo.

O Que Faz A Desintoxicação

Veja alguns benefícios que você receberá, ao desintoxicar o organismo.

  1. Elimina Toxinas

Muitos especialistas em saúde concordam que a carga tóxica (a quantidade de toxinas que o corpo é capaz de lidar) é responsável por uma quantidade considerável de doenças. E, quando você desintoxica o seu organismo, você o livra dessas toxinas.

Comprar produtos orgânicos (frutas e vegetais), juntamente com carne orgânica alimentada com capim e peixe selvagem, diminui seriamente a quantidade de toxinas que você toma no dia-a-dia.

  1. Aumenta A Energia Ao Longo Do Dia

Ela pode aumentar a disposição e energia durante o dia.

  1. Reeducação Alimentar

O objetivo número um da desintoxicação é a reeducação alimentar. Pode incentivar você a melhorar as escolhas alimentares.

Ela ajuda a cortar alimentos tóxicos, e optar por alimentos mais saudáveis a longo prazo.

  1. Ajuda a Controlar A Compulsão

É um mito que a compulsão é controlável ​​apenas com o poder da vontade.

A verdade é que a compulsão alimentar é baseada em desequilíbrios hormonais, e precisam ser abordados e controlados como tal.

Os desejos influenciam significativamente a compulsão alimentar e o ganho de peso, e um plano de desintoxicação inteligente pode ajudar a minimizar ou a eliminar essa compulsão. (6)

  1. Evita O Vício Alimentar

Os alimentos industrializados e processados riam uma onda de dopamina, que é liberada no cérebro (da mesma forma que a cocaína, por exemplo).

Para os indivíduos com um alto nível de receptores de dopamina, podem se tornar viciados em comida, assim como eles ficariam viciados em drogas.

A desintoxicação que se concentra na eliminação de alimentos, e produtos químicos aditivos pode ajudar a evitar o vício alimentar.

Caso sinta dificuldades com a compulsão alimentar ou outros distúrbios alimentares/emocionais, busque ajuda médica.

  1. Micronutrientes Necessários

deficiência de micronutrientes é uma das principais causas de doença e até mortalidade.

O Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC) aponta alguns dos links mais comuns; como a deficiência de ferro e anemia, deficiência de iodo e condições da tireoide, deficiência de vitamina A, doença ocular degenerativa, deficiência de zinco, doenças respiratórias e outras condições imunes.

Ao se submeter a uma dieta centrada em alimentos e bebidas densas em nutrientes, você estará garantindo que seu corpo obtenha as vitaminas, minerais, fitonutrientes e antioxidantes necessários para uma saúde ideal.

Além disso, muitos micronutrientes são absolutamente necessários para que as vias de desintoxicação dos corpos funcionem corretamente.

  1. Gerencia O Estresse

Um estudo publicado em Endocrinologia Clínica, encontrou uma ligação entre níveis elevados de cortisol e doença hepática gordurosa.

cortisol é nosso principal hormônio do estresse liberado em tempos de estresse agudo e crônico, e quando os níveis são superiores ao normal durante um longo período de tempo; isso pode causar uma série de problemas, incluindo a diminuição da função hepática.

Com a desintoxicação do organismo, você ajudará a regular os níveis de cortisol para gerenciar o estresse.

O aumento da energia, a diminuição da compulsão e os baixos níveis de estresse, são alguns dos motivos para começar uma dieta de desintoxicação.

Metais Pesados

Sintomas 

Níveis elevados de exposição a 23 metais ambientais considerados “metais pesados”, como chumbo, mercúrio, alumínio e arsênico, podem causar toxicidade aguda ou crônica.

Resultando em danos na função mental e nervosa, prejudicando também os órgãos vitais.

A exposição a longo prazo pode levar a processos degenerativos físicos, musculares e neurológicos.

Alguns dos sinais de aviso mais comuns, que você está lutando com a toxicidade de metais pesados ​​incluem:

– Fadiga crônica;

– Doença autoimune;

– Problemas neurológicos;

– Dificuldade para se concentrar;

– Depressão, bipolaridade e ansiedade;

– Demência;

– Insônia;

– Gosto metálico na boca;

– Vômito;

– Dificuldade ao respirar;

– Tosse excessiva;

– Gengivas inchadas e com sangramento.

Danos pulmonares permanentes e morte, podem ocorrer dependendo da quantidade de mercúrio que tenha sido inalado. Danos cerebrais a longo prazo também são possíveis.

Como Limitar A Ingestão 

Se você deseja limpar os metais pesados ​​e outros produtos químicos do corpo, é importante seguir uma dieta de desintoxicação e outras medidas para livrar seu corpo de toxinas.

1- Reduzir Exposição

Se você sabe que tem níveis elevados de metais no organismo, você precisa limitar a sua exposição.

Parar de comer peixes e outros alimentos com níveis elevados de metais e optar por outras opções de proteína livre de metais pesados; faça isso com orientação médica.

Quando se trata de mercúrio encontrado no peixe, por exemplo, é aconselhável que as mulheres que desejam engravidar, grávidas, as mães que amamentam e as crianças a não comerem peixes com alto teor de mercúrio e a comer quantidades limitadas de peixes e crustáceos..

2-Terapia Quelante

terapia de quelação é outra opção quando se trata de desintoxicação de metais pesados.

O tratamento com quelatação com ácido etilenodiaminotetracético (EDTA) foi desenvolvido e utilizado na década de 1950 para o tratamento de envenenamento por metais pesados, para eliminar os metais pesados ​​comuns, incluindo chumbo, mercúrio, cobre, ferro, arsênio, alumínio e cálcio.

A terapia envolve uma solução química chamada EDTA, que é administrada no corpo – normalmente injetado diretamente na corrente sanguínea; para que possa se ligar com excesso de minerais.

Uma vez ligado a toxinas no corpo, EDTA ajuda na desintoxicação (4).

3- Dieta Detox

– Alimentos ricos em vitamina C: Frutas e vegetais ricos em vitamina C podem reduzir os danos causados ​​pela toxicidade de metais pesados, agindo como um antioxidante.

– Coentro e outros vegetais verdes: Coentro e vegetais de folhas verdes como couve, espinafre e salsa são desintoxicantes e podem ajudar a reduzir o acúmulo de metais pesados ​​no corpo.

– Alho e cebola: Estes vegetais contêm enxofre, que ajuda o fígado a desintoxicar-se de metais pesados ​​como chumbo e arsênio.

– Água: Beba no mínimo 2 litros de água por dia para ajudar a liberar as toxinas.

Alimentos Tóxicos 

– Alimentos alérgicos:  Se o seu corpo está lutando contra alérgenos comuns, não será capaz de se desintoxicar dos metais pesados (6).

– Alimentos processados (não-orgânicos): Estes alimentos aumentam a exposição a produtos químicos que pioram os sintomas.

– Alimentos com aditivos: Aditivos são produtos químicos que podem agravar os sintomas de toxicidade e diminuir a capacidade do seu corpo para desintoxicar.

– Álcool: É tóxico para o corpo e pode fazer com que o seu fígado tenha dificuldade para processar outras toxinas.

Organismo Em Movimento

A evacuação regular é essencial para desintoxicação de metais pesados. Isso é importante para você não reabsorver o mercúrio que seu corpo está tentando se livrar.

Ao fazer dieta rica em fibras, beber bastante água e exercitar-se regularmente, você pode evitar a constipação e manter um dos seus melhores processos naturais de desintoxicação ativo.

Embora não haja nenhuma maneira de evitar totalmente os metais pesados na alimentação, tomar alguns cuidados podem reduzir naturalmente a sua ingestão.

Também é importante não se medicar ou fazer mudanças na alimentação sem orientação médica.

E lembre-se, uma desintoxicação verdadeiramente bem-sucedida, é a prova de que que você está entrando em um caminho de mudanças positivas na sua vida!

 

Compartilhar:
error0